Móveis Siltonflex e Objetos para Escritório.
Comércio - Há 33 anos mobiliando os melhores escritórios e industrias do Brasil: despachamos para todas as cidades e estados!
(11) 3209-6233 -
Rua do Lavapés, 64 - Cambuci - São Paulo / São Paulo / Brasil - CEP
Falar com Silton



História do mobiliário

A história do mobiliário desenvolve-se a partir do momento em que o Homem deixa de ser nómada, ou seja, desde o momento em que passa a possuir uma habitação fixa, e acompanha a sua história política, social e artística até à actualidade. Ao longo do tempo, o mobiliário foi evoluindo consoante as necessidades humanas, a capacidade técnica e a sua sensibilidade estética. Deste modo a sua caracterização varia muito de acordo com a região e a época, podendo-se fazer uma divisão por períodos ou estilos que se inserem mais ou menos dentro dos grandes movimentos da história da arte.

Mobiliário da Antiguidade

  • Mobiliário da Mesopotâmia

  • Mobiliário do Antigo Egipto

    Mobiliário na Antiguidade Clássica


  • Mobiliário da Grécia Antiga

  • Mobiliário da Roma Antiga

    Mobiliário da Idade Média


  • Mobiliário românico

  • Mobiliário gótico

  • Estilo Tudor

    Mobiliário do Renascimento


  • Mobiliário do Renascimento

    França no século XVII


  • Estilo Luís XIII

  • Estilo Luís XIV

  • Estilo Regência

    França no século XVIII


  • Estilo Luís XV

  • Estilo Luís XVI

  • Estilo Directório

    França no século XIX


  • Estilo Império

  • Estilo Restauração

  • Estilo Luís Filipe e Estilo Napoleão III

    Inglaterra no século XVII


  • Estilo Jacobita

  • Estilo Restauração

  • Estilo William & Mary

    Inglaterra no século XVIII


  • Estilo Queen Anne

  • Estilo Georgeano

  • Estilo Chippendale

  • Estilo Adam

  • Estilo Hepplewhite

  • Estilo Sheraton

    Inglaterra no século XIX


  • Estilo Regency
  • Estilo Vitoriano Portugal a partir do século XVII


  • Estilo D. João V

  • Estilo D. José

  • Estilo D. Maria

    Século XX


  • Arts and Crafts

  • Arte Nova

  • Arte Deco

    Mobiliário asiático


  • Mobiliário chinês

  • Mobiliário indiano

  • Mobiliário japonês

    Mobiliário americano



  • Estilo Colonial

  • Estilo Federal

  • Estilo Shaker

    Cadeira de escritório

    Uma cadeira de escritório é um tipo de cadeira que foi projetada para se usar com uma mesa, em um escritório. Geralmente é confortável e possui ajuste de altura, além de poder girar 360 graus.

    História

    Um dos inovadores mais antigos a criar a cadeira de escritório moderna foi o naturalista Charles Darwin, que colocou rodas em sua cadeira para que pudesse ir até seus espécimes mais rapidamente.[carece de fontes?]
    Com o advento do transporte ferroviário no meio do século XIX, negócios empresariais começaram a expandir além do modelo tradicional de administração familiar (empresas pequenas) que tinham pequena ênfase em administração. Equipe de administração adicional era necessária para manter-se em dia com as tarefas, arquivamento de documentos e correspondências enquanto os negócios expandiam suas áreas de serviço. Enquanto trabalho em escritórios expandiam, uma noção de ambiente de escritório, tecnologia, e equipamento fizeram parte do foco cultural com o aumento da produtividade. Isto fez com que um novo conceito fosse criado para esta equipe nascente: cadeiras de escritório.
    A cadeira de escritório foi estrategicamente designada para a produção de empregados do clero fazendo com que fosse possível para eles ficarem sentados de frente a sua mesa por longos períodos de tempo. Uma cadeira que girava e possuia locomoção permitia que os empregados ficassem sentados ainda que pudessem alcançar outros lugares de seu local de trabalho, eliminando o tempo e a energia gasta enquanto ficasse de pé. As cadeiras mais antigas de madeira eram feitas para suportar o peso de alguém sentado, e o encosto, junto com o descanso de braço providenciavam suporte adicional para aumentar o conforto. Como todas as cadeiras modernas, muito desses modelos clássicos eram ajustáveis para permitir o máximo de conforto e maior longevidade na produtividade em um escritório.

    Ergonomia

    Na décade de 1970, a ergonomia de uma cadeira eram levadas em grande importância. Nos dias atuais, as cadeiras de escritórios geralmente possuem regulagem de altura, descanso de braço, encosto, suporte do encosto e alturas suficientes para evitar lesões como tendinite e LER (lesão por esforço repetitivo) e dor nas costas associadas por ficar sentado por longos períodos. Cadeiras ergonômicas assentam a necessidade de um individual e providenciam suporte aonde ele precisar ajustar.

    Escrivaninha

    Escrivaninha é um móvel utilizado tanto para escrever quanto para guardar arquivos, documentos e objetos.
    Geralmente, ele fica no quarto, no escritório ou na sala.
    Os modelos de antigamente possuiam esteira móvel que ao serem fechadas escondiam uma possível desorganização sobre o tampo.

    Escritório

    Um escritório costuma ser a divisão das empresas dedicada á escrita e papéis onde as pessoas se compenetram para colocação do correio em ordem, das obrigações fiscais, mas também pode ser em uma casa o local utilizado para efeitos recreativos e de escrita. Um papel associativo é o local de arquivo dos papéis.
    É composto por mesa de escrita, cadeira de escritório — ambas as peças adequadas ergonomicamente à actividade exigida de escrita. Também se encontra uma estante de livros, para a consulta como para arquivo de papéis e pastas.
    Em algumas casas, onde o escritório é espaçoso, também costuma existir um sofá dedicado à leitura descontraída. Em algumas empresas, formas de divisão evitam os barulhos externos.

    Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

    VISITE NOSSO SITE!
     


X
Loja Maçônica - XIII FESTA DO PORCO À PARAGUAIA
(16) 3361-5200 -
Rua Indalécio Campos Pereira, 94 - Parque DELTA - São Carlos / São Paulo / Brasil - CEP
Falar com Ir:. JOSÉ DANIEL CANEVAROLO