Os Sete Sábios ...
Colaboração do Ir.'. Jefferson Williams - Consultor e Samurai
27/09/2012




Sete sábios, cada um de uma religião, discutiam qual deles conhecia, realmente, a verdade.
Um rei muito sábio que observava a discussão aproximou-se e perguntou:
- O que vocês estão discutindo?
- Estamos tentando descobrir qual de nós é dono da verdade.
Ao escutar isso, o rei, imediatamente, pediu a um de seus servos que levasse sete cegos e um elefante até o seu castelo.
Quando os cegos e o elefante chegaram ao palácio, o rei mandou chamar os sete sábios e pediu-lhes que observassem o que aconteceria a seguir.
O sábio rei pediu aos cegos que tocassem o elefante e o descrevessem, um de cada vez.
O primeiro cego tocou a tromba do elefante e disse:
- É comprido, parece uma serpente.
O segundo tocou-o no dente e disse:
- É duro, parece uma pedra.

O terceiro segurou-lhe o rabo e disse:
- É cheio de cordinhas.
O quarto pegou na orelha e disse:
- Parece um couro bem grosso.
E assim, sucessivamente, cada cego descreveu o elefante de acordo com a parte dele que estava tocando.
Quando todos terminaram de descrever o animal, o rei perguntou aos sete sábios:
- Algum desses cegos mentiu?
- Não! - responderam os sábios em coro – Todos falaram a verdade.
Então, o rei perguntou:
- Mas algum deles disse realmente o que é um elefante?
- Não, nenhum cego disse o que é um elefante, mesmo porque cada um tocou apenas uma parte dele - disse um dos sábios.
- Vocês, sábios, que estão discutindo quem é dono da verdade, parecem cegos.
Todos estão falando a verdade, mas, como os sete cegos, cada um se refere apenas a uma parte dela
– disse o sábio rei, concluindo:
- Ninguém é dono da verdade, porque ninguém a detém por inteiro. Somos donos apenas de parte da verdade.
Assim também deve proceder quem dirige ou gerencia uma organização.
Não devemos nos guiar apenas por afirmações extremamente convictas de profissionais da equipe.
É preciso saber ouvir a todos, é ainda mais importante periodicamente irmos até a linha de frente e checar o que de fato acontece.
Uma organização de sucesso é construída também com números, com indicadores, com métricas.
Levantar números e fatos nem sempre é a tarefa mais agradável, mas é fundamental para "pilotar" uma organização.
Sem números podemos reduzir nossa capacidade de decisão a impressões e achismos.
Muitas vezes as pessoas não mentem, elas simplesmente acham... Entretanto uma organização de sucesso não é construída com base em achismos.
Isso muito bem sabe o brilhante Sr. Luan.
E como dizia o Seo Cyro: "Contra fatos não há argumentos".

Contem Comigo!
Vamos Fazer Acontecer!
Ou encontramos um caminho ou abrimos um!

Abraço.
SUCESSO!
Jefferson Williams
Consultor e Samurai
ANR USP & SUCESSO – Consultoria e “Resolvedoria” Prática, Dinâmica e Objetiva
Empresas Familiares, Profissionalização e Resultados
Fones: (11) 7872-8989 / (11) 4232-7218
Quando verdadeiramente compreendemos que existe um número infinito de possibilidades em qualquer

dada situação, passamos a encontrar soluções onde até agora parecia totalmente impossível encontrá-las.
X
Consultoria, Consultoria - Realização de Consultoria , Treinamentos.
(11) 97368-9171 -
Rua Clélia , 1129 - Agua Branca - São Paulo / São Paulo / Brasil - CEP 05042000
Falar com Fernando de Faria